quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

CARNAVANÁLISE #10: Império de Casa Verde vai à luta com grandes atributos

Por Felipe de Souza
O carnaval de São Paulo, inegavelmente, é um dos que mais cresce e ganha espaço no Brasil. Apesar disso, é impossível ignorar a relevância que a festa momesca tem em terras cariocas. Para ilustrar tamanho crescimento da folia e a união entre os carnavais, Felipe de Souza, Beatriz Freire e Jéssica Barbosa se reuniram para detalhar samba e enredo das 27 escolas que passarão pelo Anhembi e pela Marquês de Sapucaí em 2018. Os textos estarão disponíveis às segundas, quartas e sextas, seguindo o resultado do último carnaval.

"O Povo, a Nobreza Real"
Império de Casa Verde
"Meu Império é amor, tem a força pra vencer.
Tigre guerreiro não cansa, 
vai à luta de novo.
Teu sangue azul é a cara do povo"
Alô Tigre! Quarto colocado em 2017, o Império de Casa Verde manteve a base de sua equipe para o carnaval 2018. Capitaneada por Jorge Freitas, a escola quer brigar novamente pelo título.

Sem ter divulgado a sinopse ao público, a azul e branca traz o enredo "O povo: a nobreza real", que conta a história da Revolução Francesa, movimento que teve participação central da burguesia e dos menos abastados em busca da equidade entre as classes. Como fio condutor do enredo, a revolução deságua no Brasil, em meio ao caos político.

O samba:
No Império, 14 parcerias se inscreveram para a disputa de samba para o próximo carnaval. Os vencedores foram Jairo Roizen, Thiago Sukata, Godoi, Luciano Godoi, Claudio Mattos, Tavares, Tubino, William Lima, Meiners e Victor Alves, com um samba com belíssimos momentos. A melodia agradável também é um ponto positivo da obra escolhida pelo Tigre para o próximo cortejo.

A gravação do CD, comandada por Carlos Júnior, em grande fase, teve a participação de Edi Rock, do Racionais MC's na introdução. Com atuação correta da Barcelona do Samba, o samba teve uma crescente em relação às disputas. Destaco, na obra, os versos "No 'Reino das Regalias'/ A poesia é nossa arma pra lutar/ Contra o carrasco da injustiça", que reflete muito bem a proposta do enredo.

O Império de Casa Verde será a segunda escola a desfilar no sábado. O Tigre guerreiro vai à luta de novo. Será que chegou a hora?!
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário