quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

QUASE UMA REPÓRTER: Paulinha Penteado, o brilho de uma porta-bandeira na sua história

Por Juliana Yamamoto
Olá, seguidores do Carnavalize, tudo bom? A quase-repórter está de volta e a entrevistada de hoje vem lá da Escola do Povo! Tive o grande prazer e a honra de conversar um pouco com a primeira porta-bandeira do Vai-Vai, Paulinha Penteado! 

Paulinha é filha de Fernando Penteado, diretor de carnaval da Escola do Povo. Desde pequena, Paulinha frequentava os ensaios da escola, mas o seu destino já estava traçado para se tornar uma das maiores porta-bandeiras da história do Vai-Vai e da Terra da Garoa. 

No carnaval de 2005, defendeu o segundo pavilhão da agremiação, mas o futuro reservava grandes surpresas. Para o carnaval de 2006, após a saída do primeiro casal, Paulinha foi promovida e teve o grande desafio de defender o primeiro pavilhão. Em 2018, ela comemorará 12 anos como primeira porta-bandeira do Vai-Vai ao lado do seu mestre-sala, Pingo. 

Na entrevista, pude conversar um pouco sobre sua longa história, sua parceria ao lado de Pingo e também os desafios que enfrentou por ser da família Penteado e substituir Renatinho e Fabíola. Também conversamos sobre sua forte relação com o Vai-Vai e também seus desfiles mais marcantes. 

Numa entrevista bem proveitosa, pude perceber o quanto Paulinha é uma mulher incrível, de opinião forte e, sem dúvidas, muito dedicada e simpática - o pavilhão da Saracura não poderia estar em melhores mãos.

Agradeço a Paulinha por toda atenção ao site Carnavalize! Torcemos muito pelo seu sucesso ao lado do Pingo. Também agradeço a assessoria de imprensa do Vai-Vai, em especial ao Mauricio Coutinho, que deu toda assistência no dia da entrevista. 

Espero que curtam a entrevista. Quaisquer sugestões e críticas são bem-vindas! Um beijo da quase-repórter e até a próxima!

OUÇA A ENTREVISTA ABAIXO:
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário