sábado, 2 de março de 2019

#Carnaval2019 - Com forte chuva, escolas derrapam em noite abaixo da expectativa





Uma forte chuva caiu no Rio de Janeiro nesta sexta-feira de carnaval e prejudicou o primeiro dia de desfile da Série A. Horas antes do início da festa, a avenida alagou em diversos pontos, demonstrando falta de cuidado com a estrutura da Sapucaí. Tais fatores acabaram atrasando o início das apresentações em pouco mais de meia-hora. 

Reeditando um clássico do seu repertório, a Unidos da Ponte surpreendeu e fez uma ótima abertura dos cortejos, surpreendendo nos quesitos plásticos. A escola da Baixada animou a Sapucaí esvaziada, sob uma chuva que ainda caia insistente. Logo depois, a Alegria da Zona Sul fez uma apresentação marcada por problemas nos quesitos visuais, devendo brigar para permanecer no grupo. 

A terceira escola a entrar na Sapucaí foi a Rocinha, que também fez uma apresentação morna e marcada por problemas de fantasias e alegorias. Na sequência, a Santa Cruz rendeu homenagem a atriz Ruth de Souza, que esteve presente no abre-alas da escola. Tendo como trunfo um dos grandes sambas do ano, a verde e branco também fez uma apresentação irregular. 

Sempre favorita ao título da Série A, a Unidos de Padre Miguel fez o melhor desfile da noite, mas  também marcados por fortes erros, que deixaram a alvirrubra quase irreconhecível na pista. Se o samba e a bateria se destacaram, aliado ao forte canto dos componentes, as alegorias, apesar de bem concebidas, possuíam vários problemas de acabamento. Outro boa apresentação desse primeiro dia da Série A foi a da Inocentes de Belford Roxo, que fez um desfile agradável. A tricolor passou bem nos quesitos plásticos, mas fez uma apresentação morna e não empolgou tanto, com problemas de harmonia.

Encerrando a noite, a Sossego foi mais uma das escolas que tiveram vários problemas em sua apresentação, principalmente nos quesitos visuais, marcando uma noite de desfiles bem irregular e abaixo da expectativa. Apesar da chuva e das dificuldades em colocar seu carnaval na rua, as escolas do grupo superaram as adversidades. Mostrando que o carnaval vive a cima de tudo. Axé!

Confira as análises de cada escola:



 Ponte pisa forte e, apesar de chuva, abre bem a noite de desfiles




Reações:

0 comentários:

Postar um comentário